Como definir o capitão no Cartola FC

Crucial na pontuação de muitos cartoleiros durante a temporada, o capitão pode ajudar ou prejudicar a pontuação da sua equipe, tudo depende de quem você confia essa responsabilidade. Implementado em 2018, o capitão vai continuar na temporada 2020.

Se você não se deu bem na temporada passada com o capitão não se preocupe, vamos te ajudar a mitar com o capitão essa temporada, pensando nisso surge alguns questionamentos… O que devemos considerar para definir o capitão no Cartola FC?

Qual é a posição com maior potencial para entregar a braçadeira de capitão?  

Este artigo vai te ajudar a escolher melhor o seu capitão!


Como escalar o capitão no Cartola FC?

Antes de escalar o capitão precisamos entender como funciona, para que a gente possa pensar em todos os fatores antes de escalar.

É obrigatório que um de seus 11 jogadores que foram escolhidos para a rodada seja escolhido como capitão da equipe, esse jogador terá a pontuação dobrada.

Justamente por esse jogador ter a sua pontuação dobrada, é necessário analisar com cuidado antes de definir em qual jogador você vai confiar essa responsabilidade. Escolher bem seu capitão pode fazer você mitar na rodada, porém, do outro lado da moeda uma escolha ruim pode acabar com a sua pontuação.

Por exemplo, se o seu capitão mitar na rodada e fizer 15 pontos, isso irá lhe render 30 pontos no final da rodada somente com o capitão. Caso seu capitão decepcione na rodada é utilizado o mesmo critério, ou seja, se ele fizer -4 pontos no final da rodada você vai perder -8 pontos em sua pontuação final.

“Nome do artista/globo.com”

O capitão tem influência somente na pontuação, por isso é importante estar ciente de que o valor do jogador não vai mudar pelo fato dele ser o capitão. Você não vai pagar mais caro e nem mais barato pelo jogador escolhido. O jogador escolhido também não vai desvalorizar ou valorizar em dobro, o capitão tem influência exclusivamente na pontuação.

Observação: Somente os jogadores são escolhidos para a função de capitão, o técnico não pode exercer essa função.


Estratégia # 1: os atacantes como capitão

“Nome do artista/Shutterstock.com”

É a posição mais escolhida para a função de capitão, apostando na probabilidade de que um atacante tem mais chance de pontuar bem, levando em conta que cada gol marcado vale 8 pontos, além da participação com assistência para que seus companheiros de equipe marquem o gol.  

Se você escalar um atacante como capitão e ele marcar o gol esse jogador vai acrescentar +16 pontos em sua pontuação final. Apesar de não conseguir marcar gol, os atacantes também podem pontuar com os scouts de finalização (para fora, defendida e na trave) o que ajuda muito na pontuação final do jogador.

Estratégia # 2: os meias como capitão

“Nome do artista/Shutterstock.com”

É importante pensar em colocar como capitão, meias que tem grande potencial de pontuar com gol ou assistência e volantes que são excelentes em roubadas de bola.

Tenha cuidado em escalar Volantes que cometem muitas faltas e consequentemente costumam levar muitos cartões.  

Deve-se lembrar que um cartão amarelo recebido pelo seu capitão vai ser -4 pontos em sua pontuação final, por isso sempre prefira aqueles que roubam mais bolas.

Procure escalar sempre aqueles meias que estão em boa fase, eles têm mais potencial de mitar na rodada.

Quando se tem boas opções de meias que apoiem o ataque e que também roubem muitas bolas, esses jogadores são ótimas opções para confiar a responsabilidade da função de capitão.

Grandes nomes na temporada de 2019 Léo Sena (Goiás), Patrick (internacional) e Pedrinho (Corinthians) faziam muito bem essa função apoiando o ataque e roubando muitas bolas.

Estratégia # 3: os laterais como capitão

“Nome do artista/Shutterstock.com”

Os laterais são ótimas opções para a função de capitão, eles se destacam nos scouts ofensivos e defensivos.

Vale a pena pensar em escalar laterais nessa função, sabendo que como capitão a pontuação é dobrada o saldo de gols (SG) vale 10 pontos, assistência vale 10 pontos e cada roubada de bola vale 3 pontos.

É importante escalar laterais regulares que tem grande potencial na rodada, um nome que teve muito destaque na temporada de 2019 foi Marcos Rocha (Palmeiras) fazendo muito bem a função ofensiva e também defensiva.

Estratégia # 4: os zagueiros como capitão

“Nome do artista/Shutterstock.com”

Uma posição muito arriscada para confiar a braçadeira de capitão, pois poucos zagueiros são jogadores regulares.

Escolher um zagueiro como capitão é bem arriscado, os zagueiros tem grande potencial de cometer faltas e tomar cartões.

Temos algumas exceções que acabaram dando certo na temporada 2019, um nome que teve grande destaque foi Victor Cuesta (Internacional) com muitas roubadas de bola e saldo de gols acabou mitando muitas rodadas.

Mesmo assim, continua sendo uma estratégia muito arriscada dependendo diretamente do saldo de gols e roubada de bola, além do risco de tomar cartões e cometer faltas.

Estratégia # 5: os goleiros como capitão

“Nome do artista/Shutterstock.com”

Escolher o goleiro como capitão é aquela situação do “tudo ou nada”, pode dar muito certo ou pode dar muito errado.

É extremamente arriscado, o goleiro pode mitar com algumas defesa difíceis (DD) e saldo de gols (SG), porém cada gol sofrido é -4 pontos, se a defesa não estiver em um bom dia e o goleiro tomar mais de um gol isso pode acabar com a sua pontuação.

Escolher um goleiro para a sua equipe é muito difícil, confiar a função de capitão para um goleiro é ainda mais. Não é recomendado definir um goleiro como capitão, porém em alguns momentos vale a pena confiar na sua intuição e confiança no jogador. Aposte se houver necessidade de obter uma excelente pontuação, caso contrário não arrisque.   

Considerações finais

O ideal é confiar essa responsabilidade para jogadores mais ofensivos, esses jogadores tem maior probabilidade de obter boas pontuações.

Sempre que for escalar sua equipe faça uma análise da rodada, alguns jogadores serão unanimidade e outros serão apostas. Pense bem antes de escalar seu capitão e procure não arriscar muito, seu capitão pode definir sua pontuação final para mais ou para menos.

Não confie sua braçadeira de capitão em um jogador considerado aposta pode ser muito arriscado, porém se você quiser alcançar o líder da sua liga ou se distanciar de outros cartoleiros que estão se aproximando e mesmo assim quiser arriscar aposte em jogadores ofensivos e com potencial para a rodada.

Concluindo, O ideal é dar a braçadeira para um jogador ofensivo e que seja unanimidade na rodada.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui